Escolha uma Página

Já falei que minha rotina é bem puxada, né?. Trabalho muitas horas e vez outra já fiquei sem tempo de preparar refeições saudáveis e apelei para comida pronta ou restaurante. E, claro, que minha saúde pediu uma atenção e eu de pronto atendi. Para muitos, o problema pode não ser a falta de tempo e sim a falta de criatividade ou mesmo a escassez total de algo que pareça atrativo em sua geladeira. Tenho quase certeza que muitas pessoas já passaram pela seguinte cena: chegar em casa cansado depois de um dia inteiro de trabalho, se desfaz daquele sapato incômodo e ainda com a roupa do trabalho abre a geladeira e a encara por cinco minutos, acha que não tem nada de interessante e acaba pedindo uma pizza. Planejar a refeição no minuto em que vamos comer pode levar a escolhas ruins porque realmente não podemos tomar decisões sensatas quando estamos correndo de um lugar para outro, ou cansado de uma jornada longa de trabalho. Para fazermos escolhas adequadas precisamos tê-las a mão e de maneira fácil.  Então, por que não planejar suas refeições com antecedência? Além de comer alimentos mais saudável, você economizará tempo e dinheiro. Com organização e métodos corretos de preparo é possível fazer diversas refeições diferentes em uma tarde e economizar tempo na cozinha. Veja as dicas a seguir:

Imagem Reprodução


Cozinhe apenas uma vez por semana


Escolha um dia por semana e faça as compras de mercado e as preparações. Pode parecer um grande compromisso, mas fazer tudo de uma vez significa que você só precisa pré-aquecer o forno uma vez, cortar uma vez suas carnes e vegetais e limpar a cozinha uma vez. Escolha as receitas que deseja fazer, faça a lista de compras baseado na quantidade que irá fazer de cada receita, cheque o que você tem em casa antes de sair para o mercado e faça as compras em um local pequeno para você ganhar tempo enquanto procura os alimentos. Quando chegar em casa, já organize as panelas, pré-aqueça o forno, separe os utensílios que precisa usar e comece o pré-preparo – lavar, higienizar, descongelar (se necessário – procure comprar os ingredientes resfriados para não perder tempo com descongelamento), porcionar e começar a cozinhar.

Escolha receitas simples

A internet está repleta de sites de gastronomia onde você pode colher informações e receitas fáceis e práticas. Para que você consiga fazer várias receitas num mesmo momento é necessário que os ingredientes sejam rápidos de cozinhar e que não sejam receitas cheias de etapas a cumprir. Procure por ingredientes que você conheça e modos de preparo que você domine. Afinal, você está tentando simplificar sua vida, não dominar a arte de fazer sushi. Se você não tem muita habilidade culinária, comece com receitas que só tem alguns passos e ingredientes que você goste. Dessa forma, você já ficará empolgado na hora de fazer e muito mais quando for comer. Quando começar a se sentir mais confiante em suas habilidades, tente preparar um prato ligeiramente mais complicado de vez em quando. Isso ajudará você a sair da monotonia e se arriscar em pratos diferentes do usual.

Considere a durabilidade de cada prato

Alguns alimentos são mais sensíveis ao tempo de geladeira do que outros. Folhagens, por exemplo, murcham muito rápido. Então, é melhor comê-los no início da semana. Além disso, se você estiver preparando saladas, eles ficarão frescas por mais tempo se você armazenar o molho separadamente. Outro ponto importante é observar que alguns vegetais escurecem facilmente como é o caso da maçã, pera, abacate. Alguns pratos prontos podem durar até uma semana na geladeira, mas tenha o cuidado de etiquetar todos as marmitinhas para saber quando tempo você ainda tem para consumi-los.

Congele algumas porções

Mesmo com a preparação da refeição como plano A, a vida acontece e pode acontecer de naquela semana você não ter preparado tudo que pretendia. Ou seja, de tempos em tempos, você pode ficar sem comida na geladeira. É quando se torna útil ter meia dúzia de refeições prontas armazenadas em seu freezer. A maioria das carnes que já são cozidas pode durar no freezer de dois a três meses. As sopas também armazenam bem no freezer, e você pode dividi-las em porções individuais para armazenar por até três meses. Então, pegue um marcador permanente e escreva a validade na embalagem ou em uma etiqueta adesiva.

Imagem Reprodução

Repita ingredientes
Se você é novato nesse hábito de cozinhar, repetir ingredientes pode ser útil. A dica para não enjoar é comprar ingredientes que permitam várias formas de preparo. Se escolher usar cenoura, poderá fazê-la cozida, refogada, em forma de purê, assada, ralada. E além disso, você pode modificar o sabor lançando mão de temperos diferentes e  usar em uma variedade de pratos como massas, panquecas e saladas.

Forme uma linha de montagem
Em vez de preparar e cozinhar cada refeição individualmente, concentre-se em cozinhar tudo de uma só vez – faça isso em etapas. Afinal de contas, praticamente todos os ingredientes requerem alguma combinação de lavagem, corte, tempero e cozimento. Então, como dito no primeiro tópico, organize o seu tempo. Em seguida, acenda todos os quatro queimadores do seu fogão e use as duas prateleiras do seu forno para cozinhar até seis ingredientes de uma só vez. Então, tudo que você precisa fazer é misturar e combinar para fazer seus pratos.

Use ervas e especiarias
Se eu tiver que comer frango por três dias seguidos, eu surto! kkkk Então, tenho um arsenal de especiarias e ervas secas que me permitem modificar cada preparo. Se você tem dificuldade em fazer essas combinação de sabores, comece com o básico: sal, pimenta, cebola, alho e azeite. Eles estão entre os agentes aromatizantes mais versáteis do mundo e criam um paladar saboroso e basicão que combina com outras ervas e especiarias.Uma pitada de manjericão em um prato e uma pitada de curry em outro pode fazer com que dois pratos de frango. É importante citar que o fato de usarmos outros temperos além de sal e pimenta, nos permite agregar mais sabor ao prato sem aumentar a quantidade de sódio da preparação.

Equipe sua cozinha
Olhe bem para suas panelas, frigideiras, facas e demais utensílios e avalie o estado em que se encontram, o tamanho e se é possível preparar tantas refeições com o que você tem. Não deixe de armazenar temperos, grãos, vinagres e azeites em frascos que permitam fácil acesso e uso rápido. Assim o manuseio durante o preparo fica mais fácil. Se achar conveniente, escreva quaisquer instruções pertinentes em etiquetas em cada frasco. Se não quer gastar com vidros e etc, use potes de vidro que vieram com produtos em conserva, bebidas e etc. Sua dispensa fica abastecida e charmosa ao mesmo tempo.

Organize sua geladeira
Se pretende preparar café da manhã, almoço e jantar, organize a geladeira de modo que cada prateleira armazene um tipo de refeição. E, não esqueça de alinhar as etiquetas de acordo com o cardápio que você criou, assim você não se perde.  Considere rotular cada refeição com a data que você pretende comer e organizar na geladeira na sequência certa.

Se você chegou até o final desse post deve estar pensando que eu sou muito organizada e minha geladeira é cheia de potinhos e mil etiquetas. Então, não é assim não! Mas, já foi. Criei métodos para ajudar meus pacientes a lidarem melhor com a mudança de hábitos e a nova realidade ao seguir um plano alimentar onde a comida feita em casa era o principal trunfo. Hoje, tento proporcionar, com os serviços de treinamento em residência e personal chef, uma forma mais organizada de consumir suas refeições. Posso fazer tanto com as dietas que prescrevo, quanto com as de outros colegas. Se você está seguindo uma dieta e já está sem criatividade para cozinhar, pode contar comigo. Vou até a sua casa para ensinar a sua funcionária ou uma Chef da minha equipe deixará suas refeições prontas, etiquetadas e armazenadas. Para saber mais: contato@cozinhapersonalizada.com.br